Você é muito bom no que faz?

O seu concorrente também!

Numa sociedade globalizada o que conta é quão bom você precisa ser em cada situação inusitada que se apresenta a cada momento.

O caminho mais curto entre a tarimba que você tem hoje e a tarimba que vai precisar ter amanhã é saber como manipular a narrativa do que você faz (bem) e adaptá-la ao interlocutor de amanhã. As suas estórias de sucessos passados não lhe garantem o futuro. O que garante o futuro é a sua habilidade e de inspirar, de mostrar caminhos, de narrar estórias, com base no passado, se quiser, do que está por vir.

A palavra mágica é: Imagine. Imagine e cria uma narrativa (estória) onde estejam claros o princípio, o meio e o fim. O fim é o que você vai atingir depois de andar pelo caminho traçado, o meio.

Imagine-se rico: poderá ficar rico.

Imagine-se poderoso: poderá ter poder

Imagine…

Tenha visão!